Divulgado o trailer oficial do filme The Hunger Games

Pois é pessoal, para quem ainda não viu, ontem foi divulgado no Good Morning America o trailer oficial do filme The Hunger Games, obra baseada no best seller MAGNÍFICO de Suzanne Collins, Jogos Vorazes! Vocês já sabem o quanto eu amei esta saga, e se não sabem podem conferir nas minhas resenhas de Em Chamas e A Esperança. O trailer ficou maravilhoso, divino e de arrepiar, me emocionei muito olhando! Aliás, meu namorado não aguenta mais me ver repetindo o vídeo de 5 em 5 minutos!!! Para vocês: The Hunger Games!

 

Contagem regressiva para março de 2012!!!

Eventos #1: A Esperança, Ecos da Morte, Feira do Livro e Paula Pimenta

Adoro eventos literários e, ultimamente, tenho comparecido a todos os que posso aqui em Porto Alegre. Por este motivo, resolvi criar uma coluna onde possa compartilhar informações, fotos e detalhes sobre eles. Até porque o post de sábado, o Volta ao Mundo em Sete Dias, já estava ficando enooorme somente com minhas aquisições, leituras e divagações, hehehe!

E para começar, trago alguns dos últimos eventos que tivemos por aqui e que foram maravilhosos.

O evento de A Esperança, mediado pelo Bruno e a Carol do Vida de Leitor, com uma ajuda da Sheila nossa socialite dos blogueiros gaúchos, do Guardiã da Meia-Noite, foi super divertido. Haviam vários fãs, então pudemos discutir bastante sobre os livros, o que cada um achou do final, etc.

O quizz promovido pelos organizadores estava mega difícil denúncia, mas no nosso grupo tínhamos um expert na série, então conseguimos responder quase tudo corretamente. Mesmo assim, não fomos páreo para o pessoal do distrito13.com.br que ganhou os posters e brindes escassos que a Rocco mandou.

Nesse encontro tive a oportunidade de conhecer pessoalmente duas blogueiras que eu adoro e acompanho, a Gabi, do Livros e Vagalumes e a Pam do Garota It, que veio de Santa Catarina e prestigiou o evento. Além do pessoal que sempre comparece, a Cláudia do Livraria Outubro e o Lucas do Livros, Filmes e Conversa Fiada. No evento troquei com ele um livro meu pelo A Pirâmide Vermelha, que eu ainda não mostrei para vocês porque emprestei antes de ter tirado a foto e antes de ler, por sinal quando voltar eu mostro.

Outro evento muito bom que rolou por aqui foi o de Ecos da Morte. Este foi mediado pela Scheila eu disse que era nossa socialite, não disse?! e a Guta do Murphy’s Library. Apesar de ter sido realizado no Barra Shopping, que fica na contramão até para quem é de Porto Alegre que dirá para mim, o público foi muito bom e novamente pude contar com a companhia da Cláudia, do Lucas, da Gabi e da Sílvia (que apesar de não ser blogueira está sempre por lá conosco).

A apresentação do livro ficou bárbara, as meninas estão de parabéns mesmo. Se eu já não tivesse lido teria corrido para comprar com certeza.

Também nos dividimos e fizemos uma batalha de capas. Dessa vez nosso grupo foi o vencedor wins o/ e ganhamos bloquinho, botton e marcadores, além de nos divertirmos muito tentando adivinhar as capas.

Também fui à 57ª Feira do Livro de Porto Alegre, que termina dia 15/11. Eu, particularmente, não sou a maior fã deste evento porque não acho que faça jus à importância dos livros na sociedade. Falando francamente, se tivéssemos uma feira com maior investimento, e com livros realmente a preços de feira, com certeza a população leria muito mais!

Foi dfícil, cansativo e suado conseguir bons livros a preços legais, todos os lançamentos estavam com o mesmo valor das livrarias, quando não mais altos!!! Por isso, o jeito foi garimpar nos saldos e olha, foi um garimpo difícil atrás de livros que fosse legais e não estivessem sujos/ragados/amassados coisa rara.

Mas no fim saí de lá com quatro obras que me chamaram bastante atenção, novas e que foram bem baratinhas xD Foram elas: Sheila Levine está morta e vivendo em Nova York, que estava na minha lista há eras, por ser um dos primeiros chick-lits de que se tem notícia (da década de 70), mas que nunca tinha conseguido achar (a edição da Bertrand é linda, com brilhos na capa e está novíssima); O Amor Chegou, cuja capa e sinopse me conquistaram, além da edição da Record estar impecável; Girls Who Gossip – As Patricinhas Contra-Atacam da Betrand, nunca tinha ouvido falar, mas achei a capa um amor e, francamente, é o tipo de livro que eu gosto para descontrair e Gaiola de Estrelas, que também me chamou atenção pela capa, mas comprei principalmente pela sinopse, que narra um drama familiar bem forte (do tipo que eu gosto)!

Depois de toda a correria para conseguir os livros, fui bem feliz para o evento que eu mais esperava esse ano, a vinda da queridíssima Paula Pimenta para cá. Houve um bate-papo, seguido de sessão de autógrafos no cais do porto, e ambos foram maravilhosos.

Eu e a Gabi tietamos geral, e fizemos várias perguntas para a Paula, que se mostrou ainda mais simpática e divertida do que eu imaginava!!!

Ela falou um pouco sobre o processo de escrita dos livros, o início da carreira e as inspirações para seus personagens masculinos que são tão perfeitos (ela disse que o Leo foi inspirado em um amigo de infância e o Rodrigo foi a junção de tudo que ela sonha no seu príncipe encantado)!

Também deu dicas para quem sonha em escrever e contou que só conseguiu se dedicar à escrita do primeiro romance quando fez intercâmbio para Londres, onde fez um curso de escrita criativa.

Sobre as sequências de suas duas séries, Fazendo meu Filme e Minha Vida Fora de Série, ela contou que FMF 4 será mesmo o último e tem previsão de lançamento para março todos se abraçam e choram pela espera!!! Já MVFS ela pretende fazer em quatro livros, sendo que o próximo será com a Priscila já com 16 anos. Ela contou que deseja escrever a história da Pri de forma não-linear, então as passagens de tempo entre os livros vão ser maiores…

O papo se estendeu bastante e eu adorei cada segundo. Depois tivemos a fila básica para autógrafos e, mais uma vez, Paula me surpreendeu pelo cuidado, carinho e dedicação aos fãs. Pudemos sentar ao lado dela e conversar um pouquinho enquanto ela autografava. Cada livro foi autografado com uma caneta da cor da capa, detalhe que achei lindo e muito atencioso.

Aproveitando a deixa, falei sobre o blog e ela se lembrou das minhas resenhas lálálá! Também pedi um mimo para vocês. Sim você que leu até aqui poderá ser recompensado!!! Ela autografou um marcador da série Fazendo meu Filme para que eu sorteie aqui! Então, quem comentar neste post até 25/11 dizendo que quer participar e deixando o e-mail está concorrendo a este kit de marcadores lindo que eu montei com todo amor e carinho!

O kit vem com marcador autografado pela Paula Pimenta, marcadores da série Guardians e vários outros!

Bem, por hoje era isso! Eu sei que este post ficou gigante, mas estava atrasada em relação a cobertura de eventos. Nos próximos vou postando após cada acontecimento, daí não ficará sobrecarregado ;) Espero que tenham gostado e que comentem para ganhar os marcadores!!!

Suzanne Collins – A Esperança

A Esperança é o último e muitíssimo aguardado volume da saga Jogos Vorazes. Suzanne Collins surpreendeu leitores desavisados, como esta que vos fala, com uma narrativa de tirar o fôlego, de emocionar qualquer um, de nos mostrar a vida e a morte de um ângulo totalmente novo.

A autora me fisgou e me deixou presa a Panem desde a primeira página, do primeiro livro, me fazendo acompanhar o sofrimento, a luta, a dor, a perda e tudo que os Jogos Vorazes representavam. No segundo volume Collins realmente deixou Em Chamas a sua história, nos levando a conhecer melhor tramas políticas e tudo que a vida de Katniss Everdeen nunca poderia ser. Agora com este terceiro volume, ao qual prefiro me referir pelo nome original, Mockingjay, podemos voltar para dentro de todo o universo complexo e surreal criado pela autora.

Muita ação, aventura e drama esperam você ao ler esta saga. Não pense que verá um lindo romance florescer em meio à tragédia, porque não é bem assim que a coisa se desenrola. Peeta e Gale, nossos maravilhosos mocinhos, não são páreo para o drama a constante na vida de Katniss, que precisa aceitar ser o símbolo da revolução para salvar aquele que ama.

Claro que existe a parte do romance, mas esta fica em segundo plano diante da grandiosidade da intensa crítica social colocada por Collins no decorrer dos livros. As implicações de uma guerra, as traições e tragédias são o mote central deste livro, que trata de amor, fé, liberdade e, claro, esperança.

Jogos Vorazes, como um todo, é uma série recomendada a qualquer público, em qualquer idade. Um saga épica, sem precedentes. Uma jornada maravilhosa em que você vai chorar muito mais do que sorrir, mas que te aguarda com um final irresistível e surpreendente.

Eu amei o desfecho da trama e acredito que foi um dos epílogos mais bem escritos que já li. Katniss e sua história nos provam a todo o momento o poder de superação da raça humana, mas também a crueldade e todo um lado psicológico fortemente explorado.

Se você ainda não leu, certamente nem precisa que eu diga: corra para a livraria mais próxima!!! Fico sem palavras para expressar o quanto amei poder ler estes livros e o quanto essa história me marcou. Se há uma série de livros que vai ficar guardada no meu coração, ao lado de Harry Potter, Vampire Academy e Mortal, esta série e Hunter Games.

Parabéns Suzanne Collins, pelo sucesso de sua empreitada e por dar ao mundo algo tão raro e belo quanto esta trilogia emocionante!

Avaliação (de 1 a 5):

Suzanne Collins – Em Chamas

Em Chamas, segundo volume de Jogos Vorazes, tinha a difícil missão de igualar o grande feito de seu antecessor. Afinal, o primeiro livro foi um fenômeno extraordinário, uma obra escrita com maestria e perfeição. Chocante, angustiante e, ainda assim, emocionante! Foi um dos melhores livros que já li com toda certeza, e olha que eu já li muito nestes meus 18 aninhos de vida (se quiser saber mais sobre Jogos Vorazes, visite o post Os livros da minha vida).

Suzanne Collins tinha um enorme peso nas costas ao escrever Em Chamas, a responsabilidade de dar aos fãs alucinados pela história de Katniss (entre eles esta que vos fala) algo a altura daquele glorioso início.

Para vocês que não estão entendendo do que eu estou falando, dêem uma olhada nas resenhas do Skoob e vejam a unanimidade de elogios que a obra recebe.

Mas, o que vocês devem estar querendo mesmo saber é se Suzanne conseguiu repetir este grande feito ou não. Vou contar: esta mulher é um fenômeno. Ameeeeeeeeeei Em Chamas e, assim como em Jogos Vorazes, não consegui desgrudar das páginas do livro.

Katniss é, juntamente com Rose Hathaway de Vampire Academy, a minha personagem favorita de Young Adults. Sua força e sensibilidade, sua dificuldade em aceitar relacionamentos e sua abnegação e aceitação a tornam real e cativante. Fico maravilhada com a perfeição que a autora teve ao construir esta personagem. Talvez o fato que mais me agrade nela seja a sua imperfeição. Ela não é certinha. E é justamente isso que a torna tão especial!

A garota conseguiu ganhar os Jogos e ainda salvar outro participante (Peeta) o que é inédito na história de Panem. Mas isto irritou profundamente a Capital. Agora o presidente Snow fará de tudo para conter a rebelião que ela pode ter começado sem querer.

Agora vou confessar, Gale roubou a cena totalmente neste livro. Pela primeira vez há um triângulo amoroso em que eu não tenho um favorito. Tanto Peeta quanto Gale roubaram meu coração. Não dá para criticar nenhum deles. Mas este é o menor dos problemas de Katniss, porque depois de passado certo tempo de sua volta para casa ela entende que seu futuro jamais será o mesmo e que a Capital não deixa barato. E a vingança pode ser pior do que a morte de todos que ela ama, ela pode significar voltar à arena e aos Jogos novamente…

Este livro, caros leitores, é imperdível, extasiante e chocante. Não só pela dura crítica social claramente estabelecida, mas pela quantidade de sentimentos que faz aflorar no leitor. Indico, recomendo e assino em baixo! ;)

Avaliação (de 1 a 5):

Livros desejados #2

Estou trazendo novamente minha lista de futuras aquisições! Mal posso esperar para ter em mãos estes livros maravilhosos :D Se pudesse iria hoje mesmo comprar todos!

Li uma resenha apaixonada da Nanda do Viagem Literária sobre este livro e desde então só penso em lê-lo. O tema é óbvio pelo título e estou muito curiosa para ler um Young Adult Sobrenatural sobre as sereias!!! A trama toda parece ter muito suspense e ação, a protagonista já me encantou somente com as resenhas, imagina então quando eu ler! Sem falar que a capa é linda né, adorei! Parabéns à Editora Versus pela belíssima edição!

A viajante do tempo é outro livro que desejo depois de ler uma resenha no Viagem Literária e pelo que li sobre a série é FANTÁSTICA! Pena que é tão cara! Mas aproveitem pois no blog da Nanda está rolando uma promo com esta obra ;) Depois de ler A mulher do viajante no tempo este tema é favorito para mim, e pelo que li sobre a série, esta obra é rica em história e romance, duas coisas que eu amo!

Liberte meu coração é um dos lançamentos da Galera Record mais esperados do ano. O livro é um romance histórico escrito por Mia Thermopolis, a protagonista da série O diário da princesa de Meg Cabot. Quem já leu o último volume da coleção, sabe que o romance de Finnula é demais! A capa recém foi divulgada, por isso acho que ainda demora um pouco para vê-lo nas bancas! Mas tenho certeza de que vale a pena a espera.

O sonho do súcubo é o terceiro volume da série que conta a estória de Georgina Kincaid! Eu sou muito fã desta coleção e também da autora Richelle Mead. O destino de Georgina é incerto e não me aguento mais de curiosidade para ler esta obra! Os personagens são muito divertidos e existe todo tipo de ser sobrenatural: demônios, anjos, duendes, ícubos e súcubos!

Firelight desponta com um enredo novo no mundo dos YA’s Sobrenaturais: os dragões. Assim como Sereia, estou louca para saber como a temática será abordada! Já li tanto criticas negativas quanto positivas e todas servem para aumentar a minha vontade de ler a obra. Também amei a capa, que foi mantida original (pelo visto as editoras se cansaram das reclamações e adotaram mais a política de manter as capas)…

Em chamas é o segundo volume de Jogos Vorazes e promete ser ainda melhor (se é que isto é possível) que o primeiro. Já encomendei o meu e conto os dias para sua chegada. Vai para o topo da minha lista de leituras. Esta série é OBRIGATÓRIA para todos hein ;) Nada se compara a narrativa de Collins. Jogos vorazes é perfeito e me deixou afoita pela continuação. Aliás a Editora Rocco está de parabéns por não demorar quase dois anos para lançar o segundo volume!

Vidas Secretas está me conquistando pela capa maravilhosa e por ser mais um YA sobrenatural que virou febre nos EUA. Porém o mistério do livro é que tipo de ser sobrenatural está envolvido na trama, então não posso dizer sobre o que se trata. Só sei que estou muito curiosa!!!Li uma resenha muito legal sobre ele no Leitora Compulsiva, dêem uma olhadinha ;)

Soul Love eu vi no skoob da Nanda, na página de desejados e a capa me chamou atenção (também né, muito fofa)! Pesquisei mais e acabei descobrindo uma estória envolvente que não vejo a hora de devorar. Quando eu ler, conto para vocês o que achei ;)

Os livros da minha vida

Hello guys! Hoje o post é inspirado na Fani, personagem principal de Fazendo meu Filme da queridíssima Paula Pimenta. Bem, logo no começo do livro Fani nos apresenta uma lista com os filmes da sua vida. Achei muito legal e, por isso, resolvi adaptar a ideia para os meus livros. Já vou adiantar que farei uma resenha completa sobre todos os que aparecem aqui e eu ainda não postei, mas hoje escrevi um breve resumo sobre como me identifiquei com cada um. Selecionei dez livros para citar. É claro que existem bem mais que foram especiais para mim e todos contribuíram de alguma forma em minha vida, mas não posso ficar listando quase 400 livros aqui não é?! Então tive que me decidir entre alguns deles.

Começo então com A mulher do viajante no tempo de Audrey Niffenegger. Este livro é daqueles que você lê com lençinhos de papel, chocolates e um cobertor do lado. A autora conseguiu criar uma história mágica, universal, complexa e que, ao mesmo tempo, fala sobre algo tão simples como o amor. Henry DeTamble é um viajante do tempo. De uma hora para outra, sem qualquer aviso, ele é transportado para outra época sem levar consigo nem as roupas. Dá pra imaginar que isso é um pequeno infortúnio na vida de Henry. Mas é através de uma dessas viagens que ele conhece seu grande amor. O detalhe é que quando ela o conhece é apenas uma criança, enquanto ele é adulto e já está casado com ela (?) (sim, é de dar um nó na cabeça!). Assim, entre idas e vindas em diversas épocas conhecemos o romance dos dois. O livro é um exemplo tão grande de amor incondicional, de como podemos superar qualquer coisa (até mesmo viagens no tempo) para estar ao lado de quem gostamos. É lindo e triste ao mesmo tempo presenciar a tristeza de Henry ao ter que partir subitamente e não saber quando irá voltar e se irá voltar para o seu amor. Com certeza vale a pena se encantar com este mundo mágico e tão lindo criado por Audrey Niffenegger!

Essa é uma das minhas séries preferidas de Meg Cabot e este último volume, Missing You, é simplesmente perfeito. Não vou poder falar muito sobre o enredo porque a série recém foi lançada aqui no Brasil pela Galera Record (aliás, demorou hein!) e não quero dar spoiler sobre os outros volumes. Enfim só posso dizer que o final vale a espera do lançamento dos demais livros. Jess e Rob são um casal PERFEITO, LINDO E SENSACIONAL. O amadurecimento de Jess neste último livro é surpreendente, ela finalmente percebe que socar os outros nem sempre é a solução (embora muitas vezes seja)! Meg como sempre mostra sua genialidade, nada do que ela escreve consegue ser menos do que maravilhoso! Quem não lê em inglês e não quer ler em e-book terá de esperar um tempo para saber o final, mas recomendo que esperem, pois nada se compara ao prazer de virar as páginas, sentir o cheirinho de livro novo e poder guardá-lo na sua coleção!

Ahhh pausa muito longa para um suspiro enquanto lembro deste livro! “Tem alguém aí?” é de longe a obra que eu mais amo da Marian Keyes. Anna Walsh (adoro essa família!!!) tem o Melhor Emprego do Mundo, a família mais louca do mundo e o melhor marido do mundo (impossível não se apaixonar por Aidan Maddox!). Mas tudo muda quando, após sofrer um acidente ela fica um tempo na casa dos pais e ao retornar descobre que seu marido, o amor de sua vida sumiu. O livro é simplesmente maravilhoso, o romance entre Aidan e Anna é super bem abordado. Eles são tão perfeitos e ela relembrando todo o início do namoro e o casamento dos dois é muuuito fofo! Chorei horrores com esse livro, torci muito para estar errada sobre os acontecimentos e quando descobri que não estava chorei mais um monte. Marian Keyes é outra gênia literária, pois consegue imprimir em suas obras muito sentimento e veracidade. Todas as suas personagens são mulheres fortes, engraçadas e geralmente tem um problemão pela frente. Tenho que dizer que não fiquei o tempo todo chorando não. Algumas situações do livro são divertidíssimas, Anna passa por momentos cômicos e a descrição de suas roupas para o trabalho me rendeu ótimas risadas. O livro tem um preço bem alto (tanto que ainda não o comprei, li na biblioteca da faculdade), porém vale cada centavo gasto e se eu não o tivesse a disposição gratuitamente teria comprado antes como fiz com outros da Marian. Leiam, mas com lencinhos e chocolate ao seu alcance!

Não tenho nem por onde começar a explicar ou comentar o quanto Jogos vorazes de Suzanne Collins é bom. Aliás, ele não é só bom, é ÓTIMO, PERFEITO e MARAVILHOSO. Demorei um tempo para adquiri-lo por causa do preço (dinheiro é sempre um problema) e tinha tantas expectativas em cima dele pelas inúmeras resenhas discorrendo elogios sobre a excelência da obra que fiquei com medo de me decepcionar. Mas com certeza não foi o caso e venho me juntar à legião de pessoas que só sabe falar das maravilhas deste livro. Suzanne conseguiu, usando seu dom para uma escrita impecável, um enredo novo e criativo, com personagens complexos, em uma trama extremamente igualmente complexa e que ainda assim me encantou pelos pequenos detalhes, fragmentos de sentimentos de cada um dos competidores dos jogos. Pois no mundo de Katniss é matar ou morrer. Não dá pra falar muito sobre a trama neste post porque em breve farei uma resenha completa sobre ele (o que demanda muito tempo e espaço). Por isso só tenho a dizer: leiam e se surpreendam de verdade!

“Lembra de mim?” de Sophie Kinsella é um livro lindo. A personagem é tão empolgante, engraçada e divertida que recomendo a todas as mulheres que adoram um bom chick-lit (a boa e velha literatura de mulherzinha) que leiam e se apaixonem. Esta história é quase um conto de fadas. Imagine, de repente, acordar em um hospital e descobrir que você perdeu a memória e não se lembra de nada dos últimos dois anos. Imagine ainda que você não escolhesse nenhum homem que presta e não tivesse nada de grana, mas ao acordar descobre que nestes dois anos você se casou com um homem rico e lindo, foi promovida a um cargo executivo na empresa, mora em um apartamento de luxo, andava em um carro caríssimo quando se acidentou e não tem mais contato com nenhum amigo do qual você se lembra. Parece um sonho, mas aos poucos vamos percebendo com o livro que não é bem assim. O tocante da história é o esforço que a personagem faz para se adaptar ao estilo de vida que levava, mesmo sem se lembrar de como chegou até ele. A obra conta com trechos hilários e é muito divertida. O romance também está presente e, além de engraçado, é muito bonito. Adoro esta autora e já li tudo que dela foi publicado aqui no Brasil, porém este livro se sobressaiu pelo tanto que a história de amor me emocionou.

Amante Desperto de J. R. Ward é o terceiro livro da série A Irmandade da Adaga Negra. Só posso dizer que AMO MUITO todos os livros da série! Cada um fala sobre um dos integrantes da Irmandade e este tem enfoque em Zsadist, que é o meu preferido. Ele já sofreu muito na vida e todos o consideravam meio morto para o mundo. Ele tem toda uma fachada de bad boy e homem perigoso, mas no fundo vemos que tudo que ele precisava era amor. E isto ele encontra em Bella, uma linda vampira que vai balançar o coração negro de Zsadist. A estória é perfeita e contada de forma perfeita. Mas já vou avisando, é só para maiores de 18 anos hein! As cenas quentes do livro são bem narradas e eu gostei bastante, porém reconheço que são bem pesadas. Portanto só para safadinhas maiores de idade ok?!

Academia de Vampiros, série de Richelle Mead é a minha série do estilo YA sobrenatural favorita! E agora o que posso dizer sobre Rose e Dimitri (ahhh Dimitri Belikov, você roubou meu coração)! Se há uma personagem forte e batalhadora que merece (e ganhou) um final tudo de bom é a Rose. Ela é a criação perfeita! O entrosamento dos persongens é muito bem estruturado e a trama, apesar de ser dirigida ao público jovem-adulto é super complexa. Richelle criou uma sociedade vampírica totalmente original. O casal principal na verdade não é vampiro e sim dampiro (ou damphir, no original) e são responsáveis pela proteção dos Moroi (vampiros bonzinhos) diante dos Strigoi (vampiros mauzinhos). Enfim, a série conta com seis livros, mas apenas três foram lançados aqui no Brasil por enquanto. Imperdível para todos os públicos de todas as idades!

Princesa para sempre de Meg Cabot é um livro sensacional. Como já disse, nada que essa mulher escreve pode ser ruim. Com certeza ela tem O DOM! Este é o último volume da série O Diário da Princesa e eu não poderia ter imaginado final mais perfeito. Esta série é muito especial para mim, pois a acompanhei durante minha adolescência, passando por todos os períodos que Mia passou junto com ela. Por isso conseguia entender e me identificar com os sentimentos e aflições da personagem. O desenrolar de toda a trama pode parecer superficial para muita gente, mas eu discordo. Mia é uma adolescente comum que nos mostra seu amadurecimento ao longo dos anos tendo de lidar com a condição de princesa. Isso não é nada fácil e por isso o final foi tão maravilhoso. Quando ela finalmente compreende que pode ser e fazer o que quiser, que os amigos e família que a apoiavam antes de ser princesa sempre estarão dispostos a ajudá-la. Mas que no caminho ela pode encontrar pessoas que podem se aproveitar de sua fama tanto quanto pode arrumar novos amigos tão bons quanto os antigos! Amei!

A Série Mortal de J. D. Robb entrou para minha lista por ser tão viciante. Quando comecei a ler não consegui parar de jeito nenhum! Eve e Roarke são o meu casal adulto favorito (adolescente, Rose e Dimitri de Academia de Vampiros, é claro). A relação dos dois vem em cada livro como uma constante evolução. Já li os 15 volumes lançados e os dois livros-meio que só estão disponíveis em inglês. Os mistérios e investigações são apresentados de forma instigante, além de trazer questões sobre ética e igualdade. Mas o que mais me agrada na série com certeza é o amor e o companheirismo do casal, que tem de lidar com as inúmeras diferenças entre os dois!

O chá do amor de Jennifer Donnelly me encantou com sua estória marcante, profunda e complexa. Já resenhei este livro no blog (link) e se vocês lerem entenderão minha paixão pela obra. Adoro personagens como Fiona, tão forte, destemida e corajosa! As choronas não fazem tanto o meu tipo. É claro que Fiona chora e se desespera em certas situações, mas não é pra menos, pois os reveses da vida dela não são poucos não!!! Teve horas em que tudo que eu queria era entrar no livro para consolá-la e dizer que tudo ia ficar bem. O romance, que para mim não pode faltar, também é peça fundamental da trama! Perdoar os erros de quem se ama é essencial para a vida e a questão da redenção é muito bem colocada!

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 39 outros seguidores