Federico Devito e Gutti Mendonça – O Preço de Uma Lição

Este livro me ganhou pela capa. O projeto gráfico que a Novo Conceito realizou ficou lindo, eu adorei cada detalhe da edição e acho que ficou super entrosada com a trama sempre bom né.

Confesso, porém, que tinha um certo receio do que encontraria nas 366 páginas que compõe a obra. Escrito por dois jovens, este é o romance de estréia de Federico Devito e Rogério (Gutti) Mendonça, e nele você descobrirá que os meninos podem amar muito sim, mas que, às vezes, só isso não basta.

Achei o início um tanto confuso, as informações estavam meio “jogadas” e demorei um pouco para me situar na trama. Não são dados nomes aos personagens logo de cara, e acreditem se quiser: ficamos o livro todo sem saber qual é o nome do protagonista! Depois de terminar a leitura, dá para imaginar que esta é a história de Gutti, e vejo Federico como um Paulinho, portanto é assim que os chamarei. Mas isso tudo é uma questão de interpretação: cada um visualiza do jeito que quiser.

Depois de umas 50 páginas lidas, comecei a perceber o quanto estava envolvida na história e aí foi só correr pro abraço, li o livro em dois dias e terminei com uma ótima sensação e um gostinho de quero mais!

Essa é a história da vida de “Gutti” da sua infância até os 22 anos. Ele é um garoto simpático, extrovertido, inteligente e muito bonito a semelhança com os autores poderia ser mera coincidência?. O único problema aparente na vida dele é sua inaptidão para relacionamentos. Ele nos conta seus altos e baixos, erros e acertos no amor. Até o ponto em que conhece Juliana, aquela que mudará de vez sua forma de encarar o amor.

Ela é linda e é tudo que o rapaz sempre sonhou. Mas uma grande diferença de idade, somada a distância em que moravam um do outro eram alguns dos empecilhos que ele deveria enfrentar.

Outro problema grave eram os relacionamentos passados de “Gutti” que, apesar de fracassados, sempre voltavam para infernizar a vida dos dois. Assim, entre altos e baixos, vamos conhecendo mais sobre os pensamentos, dúvidas, amores e desamores de um jovem garoto. Sua entrada no mundo adulto: as escolhas, fracassos e vitórias.

O mais interessante nesta leitura, para mim, foi entender melhor o universo masculino que vamos e convenhamos, é totalmente diferente do feminino. Dizem que as mulheres são difíceis de entender, mas depois de ler sobre “Gutti” tenho que discordar. Eita menino que faz burrada! E o mais incrível é que ele sabe que está sendo idiota e continua agindo do mesmo jeito. Homens… Quem poderá compreendê-los?

Achei os personagens secundários bem construídos. A representação da imaturidade no período da adolescência, das descobertas e dificuldades também foi muito boa. Só achei que faltou uma coisa fundamental: sexo.

Não, não me chamem de tarada ainda, por favor! Não estou falando que faltaram cenas de sexo, longe disso! Esse livro foi publicado pelo selo jovem da NC e é quase um infanto-juvenil, então não vamos partir pra este lado… Mas a sexualidade, como uma dúvida natural e muito presente nesta fase da vida que o livro explora, deveria ter sido ao menos citada por alto, de maneira leve. Entretanto o livro não conta com nenhuma passagem sobre isso. Apenas beijinhos pra lá e abracinhos pra cá. Fala sério, um casal de jovens vai namorar por dois anos só se beijando?

A impressão que ficou, depois de ler o livro, é que “Gutti” com quase 23 anos ainda era virgem e todos os outros na trama também. Não que eles não pudessem ser virgens (não me entendam mal), mas é que, repetindo, a adolescência é uma fase da vida onde os hormônios estão em alta, onde surgem dúvidas, curiosidades e muito disso se relaciona com a sexualidade. Praticamente todos os autores, nacionais ou internacionais, que escrevem sobre este público abordam uns da maneira rasa e sutil, outros nem tanto este tema. É necessário para a construção da obra e senti muita falta disso. Foi um dos pontos que mais martelaram na minha cabeça durante o livro.

A obra traz uma mensagem muito bonita, romântica e diferente sobre o amor e os relacionamentos no cotidiano dos jovens. As referências musicais, geográficas e culturais são ótimas, já disse várias vezes o quanto adoro ler livros ambientados no Brasil, pois assim posso me identificar muito mais com toda a trama.

Para finalizar, este foi um livro que gostei muito de ler. Mesmo tendo algumas partes que eu mudaria, a narrativa me agradou demais! Li super rápido e terminei querendo uma continuação🙂. O desfecho se encaixou super bem com o resto do livro e amei o final. Foi super bacana a ideia proposta pelos autores e espero, sinceramente, que ainda possamos ler muito mais obras destes dois.

Para quem gosta de YA books eu recomendo totalmente, é um livro que vale a pena ser lido e apreciado!

Avaliação (de 1 a 5):

13 comentários (+add yours?)

  1. Gabriele
    Dez 06, 2011 @ 10:18:13

    Oi

    Eu concordo com tudo que disse na resenha!! Eu ainda tenho essa coisa de ‘meninos da minha idade não prestam’ por vááááários motivos, enfim, o ‘gutti’ tem 20 poucos anos no livro, e eu dúvido que ele não pensasse em nada além com a Juliana, de qualquer jeito, ele faz muita burrada! Eu cheguei a brigar com ele durante o livro. E eu estou do lado da Juliana também. A capa é linda e o amor dele por ela é enorme. Mas isso não basta… Mas ele é fofo até, eu sou viciada em Sonho de Valsa haha, e imagina um menino escrevendo um livro para mim? Morria. Adorei a resenha🙂

    Gabi

    Responder

    • Mundo da Leitura
      Dez 07, 2011 @ 10:12:53

      Oi Gabi!
      Hahaha, tem meninos e meninos né, quem dera existisse um Rodrigo (de MVFS) em cada esquina, hehehe =P
      Pois é, meio estranho esse lance de sexo, o menino é um santo se não pensa nisso o.O
      Eu também briguei com ele vááárias, vezes! Vai ser idiota assim lá me outra freguesia! Depois reclama que a menina não quer mais nada…
      Nem me fala, também queria aquele ovo, acho muito lindo *-*

      Beijos

      Responder

  2. Claudia
    Dez 06, 2011 @ 18:09:18

    Oi Adri!

    Mas como você chegou a conclusão de quem é quem? ou foi um chute para situar a resenha?

    Eita menino que faz burrada! kkk

    Não li ainda, mas você tem toda razão, para ser realista tinha que ter pelo menos a ideia de sexo.

    Responder

    • Mundo da Leitura
      Dez 06, 2011 @ 18:55:33

      Oi Cláudia!
      Depois de ler pesquisei sobre os autores nos seus sites e dá pra ter certeza que a história é do Gutti mesmo… Segundo resenhas que já li, os próprios autores já confessaram que a história foi real, só teve algumas modificações feitas😉
      Olha, você nem imagina quaaanta burrada ele faz o.O
      Pois é, faltou essa parte…

      Beijos

      Responder

  3. Camila - Leitora Compulsiva
    Dez 06, 2011 @ 19:04:16

    Oi Adri,
    Engraçado como as coisas são… Essa capa não me conquistou nadinha de nada!! rs… Achei com cara de livro didático… Sei lá!!
    Mas a história parece interessante!!
    Beijos
    Camis

    Responder

    • Mundo da Leitura
      Dez 07, 2011 @ 10:15:03

      Oi Camis!
      Ahhh, eu achei muito fofa. As abas, lombada e contracapa tem uma arte ainda mais linda, hehehe *-*
      É, agora que você mencionou, parece mesmo com um livro didático, mas eu gostei mesmo assim =P

      beijos

      Responder

  4. Lucas Martins
    Dez 07, 2011 @ 00:16:22

    Confesso que eu morria de medo de ler este livro, porque a sinopse não me chamava atenção e sendo escrito por ex-colírio… bom.
    Eu estou meio curioso para saber como foi a escrita e história. Mas não gostei disto do personagem principal ser um mistério guardado a sete chaves, rsrsr.
    Acho que no caso de um livro deste estilo, voltado para este público, deve conter sim passagens e questionamentos na questão do sexo. Não que seja obrigatório, mas é interessante esta abordagem, porque muitas das leitoras são fãs histéricas que leem Capricho e são jovens, e podem não ter abertura para falar sobre este assunto com os pais.
    É interessante as mulheres enxergarem as coisas pela ótica dos homens… é contraditório. Homens não entendem mulheres, e vice versa.
    (Eu ri quando você falou “Não, não me chamem de tarada ainda, por favor! “, rsrs)
    Acho que eles não terem desenvolvido esses pontos que deixaram lacunas, pode se dar ao fato de não serem experientes o suficiente no quesito “vida”, sabe… tipo, idade e tal. Não sei…
    As suas 4 estrelas me deixaram impressionado até! Rrss. Não desmerecendo o livro, pelo contrário, até leria, mas não colocaria em prioridade de compra ou leitura em momento algum! Rsrs
    Parabéns pela resenha também, viu, Adri? De verdade!
    Bjão!

    Responder

    • Mundo da Leitura
      Dez 07, 2011 @ 10:23:05

      Oi Lucas!
      Que preconceito hein (hahaha, tá bom, confesso que pensava a mesma coisa) =P
      Olha, só você lendo pra entender… Mas o protagonista não é um mistério. Acho que eles esqueceram de dar um nome, mas nos sites pessoais eles mesmo confirmaram que a história é baseada na vida do Gutti😉
      Olha, o fato de não ter menção a sexo ficou estranho porque eles não citam nem por cima sabe, é como se não existisse, o que ficou bem fora da realidade o.O Concordo com vc, acho que foi a imaturidade dos autores na escrita que fez isso sabe.
      E a visão masculina da coisa realmente foi super interessante, até por isso a minha nota foi 4, eu gostei muito do livro, mas acho que teve certos pontos que poderiam ter sido diferentes (o que fez perder uma estrelinha).
      Hahaha, Lucas, o livro é legal tá! Eu recomendo… Só acho que, com mais experiência por parte dos dois a escrita deles pode ser ainda melhor!!!

      Obrigadão Lucas, adoro seus comentários aqui😀

      Beijos

      Responder

  5. Diogo
    Dez 07, 2011 @ 22:59:01

    Depois de ver a resenha até que deu vontade de ler. Tinha uma visão diferente do livro… espero gostar!!! (quando aparecer uma promoção, eu compro =x)

    Responder

  6. Samila
    Jan 28, 2012 @ 01:20:23

    To adorando o livro!!!concordo em que o começo é meio confuso e de nao ter mencionado o sexo!!!amo o federico Devito!!

    Responder

  7. Anna
    Mar 01, 2012 @ 11:44:38

    Oi gente, eu comprei o livro e estou lendo. Numa busca pelo Google, achei este blog e gostei do post. Eu acho que o autor pode ter ficado receoso de abrir a vida dele assim, expondo a intimidade da Juliana e das outras… lembrem-se de que o livro é acessível a todos, isso inclui o sogro,a sogra, a mãe, e talvez até mesmo a própria Juliana ficasse incomodada com isso.

    Responder

  8. KROL
    Out 26, 2012 @ 18:56:49

    livro realment lindo .homens assim ta em extincao!rss adorei=

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: