Diana Peterfreund – Ritos da Primavera

O melhor da série! Ritos da Primavera, terceiro volume da série Sociedade Secreta, foi o mais incrível e bem escrito até o momento. Mesmo que eu tenha dado a nota máxima, merecidamente diga-se de passagem, aos outros dois volumes (Rosa & Túmulo e Sob a Rosa) este se destaca como um favorito com toda certeza!

Agora que Amy já enfrentou tantos preconceitos e desafios para estar na R&T, lutou contra um grupo de seu próprio clube na sociedade que queria sabotar as Coveiras e terminou mais uma vez um relacionamento romântico de forma traumática, entramos no último semestre da garota na Universidade de Eli.

Com um início muito engraçado e divertido, Peterfreund nos situa rapidamente na trama e desenvolve muita ação. Os cavaleiros da C177 foram roubados pela Cabeça de Dragão sociedade rival e estão tentando invadir o mausoléu deles para pegar o artefato de volta. O que era para ser um trote comum entre sociedades acaba dando errado e Amy é identificada pelos membros da Cabeça de Dragão como uma Coveira.

Agora a guerra esta lançada, onde quer que vá Amy sofre as piores humilhações e vexames públicos. Em meio a esta rixa entre sociedades, Brandon ressurge na mente e talvez no coração de nossa querida Bogaboo com força total.

Mas será que ele é realmente uma opção? E porque Brandon não termina de vez com a namorada para ficar com Amy? Muitas perguntas sem resposta até a metade do livro. Entretanto, é quando Amy e outros integrantes do C177, além de Poe, vão para a ilha particular da R&T nas férias, que o livro engrena e pega fogo.

Amy achou que estaria a salvo de mais trotes da Cabeça de Dragão na ilha, mas alguns atentados à sua vida e às Coveiras vão mostrar a moça que a situação sempre pode piorar.

Este livro foi o meu favorito por muitos motivos: tem mais ação, o início não foi tão lento e Amy e seus amigos estão ainda mais engraçados. Mas a principal razão foi que, o romance que eu mais aguardava desde o primeiro livro finalmente aconteceu.

Não se pode dizer que Amy seja uma garota difícil, em cada livro ela está com algum carinha diferente! Mas, depois de tanta enrolação, ela finalmente caiu na real e ficou com o único garoto que era feito pra ela *-* Amei as cenas fofas entre os dois e mal posso esperar pra ler o último volume, Tap & Gown, que promete ser ainda mais divino (a Galera podia se mexer para lançar logo aqui no Brasil hein)!

Avaliação (de 1 a 5):