Eden Maguire – Beautiful Dead: Jonas e Arizona

Oi galera!

Desculpem a demora do post de hoje. Mas vocês podem reclamar direto com o culpado: o calor! Sim, ele é o responsável pelo atraso em que se encontram as minhas resenhas!!! Geralmente tenho postagens agendadas para uma semana e gosto de manter assim, porém, com o calor infernal que vem fazendo por aqui, não tenho conseguido escrever!

Sou bem sensível ao calor, e os 40° que vem fazendo todos os dias me fazem super mal… Chego no fim do dia com a cabeça explodindo, sem ânimo para nada, nem para escrever. A solução para escrever esta resenha: tirar uns minutinhos (tá bom, uma horinha) do trabalho, de manhã cedo, enquanto ainda não está tão insuportável e não me sinto como se tivesse dado porretadas na minha cabeça.

E hoje, para compensar o atraso, vou escrever uma resenha dupla o/ Mais uma série YA sobrenatural bem legal que acompanho, e hoje tenho o prazer de apresentar para vocês.

Conheci a série Beautiful Dead através do blog da Camis, que vocês já estão cansados de me ver elogiar, o Leitora Compulsiva.

O primeiro livro, chamado Jonas, nos apresenta a história de Darina, uma garota que tinha tudo para ser feliz, havia encontrado o garoto dos seus sonhos e vivia um romance lindo com ele. Mas uma tragédia inexplicável põe fim à alegria de Darina. Seu namorado, seu amor, sua paixão, é assassinado brutalmente. E o pior, ele é o quarto jovem a sofrer uma morte trágica na cidade de Ellerton em menos de um ano!

Consumida pela dor e tristeza, Darina agora passa seus dias solitária e depressiva. Mas uma descoberta incrível fará com que ela tenha uma segunda chance de aproveitar seu amado. Ela acaba descobrindo que o namorado virou um Beautiful Dead, que morreu com assuntos pendentes e agora está preso a este mundo enquanto tenta, durante um ano, descobrir a verdade sobre sua morte para poder descansar.

E vocês aí devem estar pensando que Jonas vem a seu o amor de Darina, certo? Bem, não é nada disso.

Phoenix e Darina eram muito felizes e agora tem a chance de se reencontrar, mesmo ele estando morto. Porém a principal questão do livro é que Darina precisa ajudar os Beautiful Dead a descobrirem o que causou tantas mortes de jovens em Ellerton durante aquele período. Em especial um grupo de quatro jovens, cujo último a ser morto foi Phoenix. E quem chutou que o primeiro da lista é Jonas, acertou!

Agora a garota vai se envolver em muitos perigos para tentar desvendar o misterioso acidente de Jonas. Enquanto isso, ela tenta ficar o mais perto possível de Phoenix sem despertar suspeitas de seus pais e amigos. Será que ela conseguirá ajudar os Beautiful Dead a tempo? Só lendo para descobrir!

Em Arizona, segundo livro da série, Darina terá a mesma missão do volume anterior. Só que descobrir as causas do suposto suicídio de Arizona será ainda mais difícil. Darina nunca gostou muito da garota, mas nem depois de morta ela dá uma folga e, aos poucos, nossa protagonista vai descobrindo que ela esconde muitos segredos que seriam fundamentais para resolução do mistério.

Este segundo livro é ainda melhor que o primeiro, pois temos mais interação e ação por parte de Phoenix e Darina, além de mais cenas perigosas, que dão ares de thriller sobrenatural ao livro.

O próximo livro irá contar a história da morte de Summer, mas estou mesmo ansiosa para o livro final, que traz Phoenix como protagonista.

Esta é uma série bem original de YA books que eu recomendo pra quem curte o gênero, como eu. Não é nenhum must read, mas os livros são sombrios e tensos, um tipo de leitura que eu gosto, ainda mais misturada à juvenil, para variar um pouco dos clichês que vemos nestes segmentos literários.

Avaliação de ambos os livros (de 1 a 5):

Curtis Jobling – Wereworld: A Origem do Lobo

Este é um daqueles livros que promete aventuras épicas, romance, mistério, intrigas e, logicamente, sobrenatural. Wereworld é um livro fantástico, que mistura um universo mutante com um universo histórico, quase feudal, onde o monarca e a nobreza são todos Werelords. O reino é dividido em diversos “distritos” que são de propriedade destes seres, meio humanos meio animais, mutantes por natureza.

Os Werelords tem a capacidade de se transformarem animais. E cada família possui o seu próprio animal: existem os Werelions, Weresharks, Werefox e os lendários Werewolfs.

Há muitos anos atrás, o rei lobo era quem comandava aquele lugar, mas traído pelos amigos e sabotado pelo temido clã dos Werelions, ele acabou morto e sua família, destruída.

É neste contexto que conhecemos a história de Drew Ferran, que entrou de gaiato nessa história e no navio: um simples camponês, que vive com os pais e um irmão. Ele sempre teve uma ligação especial com a floresta e os animais, mas nunca sonhou que isso um dia significaria sangue, morte e sofrimento em sua vida. Em uma noite chuvosa uma terível criatura ataca sua casa e mata a mãe dele. Atiçado com a adrenalina da situação, ele percebe que esta se transformando em uma fera, mas consegue parar a transição no meio.

Graças a uma terrível confusão ele é obrigado a fugir de casa e se esconder na mata, onde vive como um ermitão, até ser capturado por dois viajantes, no mínimo estranhos. Até então, Drew desconhecia a existência dos Werelords, mas logo ele é reconhecido como um deles.

Pior do que isso, ele acaba descobrindo que é filho do grande Rei Lobo, o último que restou do clã Werewolf. Por causa disso, o trono usurpado pelo Werelion é seu por direito, e o povo que sofre com as injustiças deste tirano clama pelo Lobo para assumir o trono e leva-los de volta a um reino justo e pacífico.

A jornada deste jovem não será fácil pois o Rei quer vê-lo morto a qualquer custo e embarca numa perseguição voraz contra o garoto. Fugindo e descobrindo novos aliados, Drew vai conhecendo mais sobre a história de seu povo e de sua família, que foi arrancada tão cedo dele. Sua mãe e pai na verdade eram adotivos e ele descobre não saber nada sobre seus pais biológicos.

A trama de Curtis Jobling é bem complexa e envolvente, me deixou ligada da primeira à última página. Gostei bastante da história e pretendo acompanhar os próximos volumes, que pelo que pude apurar do desfecho, devem ser muito bons!

Porém, a revisão do livro deixou um pouco a desejar e a narração foi muito lenta certas vezes. Como temos muitos personagens, cenários e conflitos para assimilar, houveram momentos em que não conseguia definir o que estava acontecendo. Isso tirou o brilho da obra, que poderia ter sido magnífica, mas não passou de um muito bom.

Essa capa é interessente por que reflete bem o livro, mas acho que a escolha de cores e a arte poderiam ser melhor desenvolvidas. Uma coisa que adorei foi o efeito espelhado, que acho lindo em capas de livro.

Este é o início de mais uma saga de YA books que promete.  Recomendo para quem curte o gênero!

Avaliação (de 1 a 5):

Volta ao Mundo em Sete Dias #18

Olá meus queridos! Mais um Volta ao Mundo neste sábado, com minhas novidades para vocês.

Essa semana me perdoem se faltar entusiasmo nesta postagem, mas eu realmente odeio ficar doente e andei bem mal por estes dias. A única coisa que desejo mesmo é poder ir no evento de domingo em Porto Alegre, mas nem que seja me arrastando eu estarei lá!

Passando mal é compreensível que eu tenha lido menos e dormido mais, foi o que fiz. Dormi, dormi, dormi… Chegava do trabalho as 18hs e dormia até as 22:30hs, quando era obrigada a acordar para buscar meu amado na estação de trem coisa que tenho que fazer todos os dias. Ainda estou bem dorminhoca, mas agora a gripe já está indo embora e o sono é só preguiça de quem é obrigado a acordar antes das 6hs da manhã crueldade.

Tenho uma novidade legal sobre parcerias aqui do blog, a Editora Underworld confirmou o Mundo da Leitura como um dos blogs participantes do Projeto Bolsa Blogueiro que eles lançaram recentemente! O objetivo é fornecer livros a preços mais baratos para blogueiros literários, porque a editora não tinha condições de aceitar a grande demanda de solicitações que recebiam. Achei uma boa iniciativa, visto que as editoras não têm mesmo condições de mandar material promocional a todos os blogs literários que existem. Portanto, podem esperar resenhas desta editora por aqui de agora em diante 😉

Sobre leituras… Semana passada eu havia lido oito livros, no total, então acho que fui acometida por uma espécie de mini ressaca literária. Isso somada ao fato de estar doente e ter pego um livro que eu considerei muito chato no início da semana, fizeram com que eu enrolasse com ele mais do que o habitual o.O

Por isso, essa semana li bem menos que semana passada, mas até que não foi pouco não… Depois de muito esforço e empenho, li Sheila Levine está morta e vivendo em Nova York de Gail Parent. Na sequência veio Wereworld: a origem do lobo de Curtis Joblin, um livro muito cativante, que me fez continuar adorando a temática dos lobos. Também li Glee: O Início de Sophie Lowell, que foi uma grata surpresa, pois achei bem divertido e até deu uma vontade de ver a série. Por fim, li L.A. Candy de Lauren Conrad, um livro fofo que me conquistou pela capa e que me encantou! Estou desesperada pela continuação, até porque a autora deu um daqueles finais que não completam a trama deste primeiro volume, então minha curiosidade está em alta!

É, até que não foi uma semana totalmente improdutiva. Não sei se vou conseguir ler muito nos próximos dias porque está chegando o dia do chá de fralda do meu maninho Davi e estou ajudando minha mãe nos preparativos, lembrancinhas e afins. Aliás, o chá de bebê será no dia do meu aniversário (16 de dezembro, anotem aí), então terei dois motivos para comemorar!

Sobre o correio agora, estou decepcionada com a demora dos Correios em entregar minhas encomendas! Cadê a minha caixa com os kits maravilhosos que a Novo Conceito me enviou e até agora nada? Quero meus livrinhos!!!

Recebi essa semana:

  • Arizona – Eden Maguire, é o segundo volume da série Beautiful Dead que a Benvirá lança aqui no Brasil. Gostei bastante do primeiro livro, Jonas e estou curiosa pois já ouvi dizer que este é ainda melhor.
  • O Vale do Silêncio – Nora Roberts, último volume da Trilogia do Círculo! Ah meu Deus, mal posso esperar para descobrir o final e acompanhar o romance de Cian e Moira!!!!!!!!!!!!!
  • Sociedade Secreta: Rosa & Túmulo – Diana Peterfreund, um livro que eu queria há hooooras, mas sempre estava esgotado nas livrarias. Foi super difícil de encontrar! Uma das minhas próximas leituras, com certeza.

Me despeço convidando a todos para o evento de amanhã aqui em Porto Alegre. Participem pessoal, vejo vocês lá 😉

Beijos e até a próxima.

Volta ao Mundo em Sete Dias #17

Olá pessoal! Escrevo este post após finalizar a leitura de A Breve Segunda Vida de Bree Tanner. Estamos todos em clima de Crepúsculo essa semana e ainda hoje vou ver o filme e conferir se ficou mesmo tão bom como todos comentam!!!

Tenho que confessar o quanto senti saudades da escrita de Meyer e como foi bom ler esta história relacionada ao livro Eclipse. Sinceramente, não esperava gostar tanto assim, mas como sempre me surpreendo com a impecável escrita dessa autora maravilhosa! Só que já chega de falar de Bree, afinal isso é assunto para a minha resenha…

Hoje é dia de contar os fatos da minha semana, e é isso que faço agora. No último final de semana houve evento de O Trono de Fogo em Porto Alegre, mas eu não estava aqui e não pude comparecer. Este findi não teremos encontros, o que é compensado pelo fato de no próximo dia 27 termos um mega evento da Editora Agir com mediação da Guardiã da Meia-Noite, tão bem conhecida na blogsfera gaúcha! Estou muito empolgada com o Richelle Mead no Brasil, série de eventos que a editora está promovendo em todo o país! Como disse, será dia 27 às 15hs na Saraiva do Shopping Praia de Belas, em Poa. Quem puder comparecer, já adianto que sempre nos divertimos muito em nossos encontros!

Falando de leituras, essa semana eu mesma me surpreendi ao listar o que li! Comecei lendo A Promessa de Richard Paul Evans, que já está resenhado e vai ao ar na próxima semana. Depois li Tequila Vermelha do famoso Rick Riordan, também já resenhado e agendado para próxima semana. Depois li Qual Seu Número? de Karyn Bosnak, que por ser livro de parceria pulou na frente dos outros e já está resenhado no blog. Li também Como Treinar o Seu Dragão de Cressida Cowel. Em seguida veio Radiante de Alyson Noel, do qual não esperava gostar muito, mas acabou sendo uma leitura leve e gostosa. Depois teve outro livro de parceria que chegou e “furou a fila”: A Maldição do Tigre, de Colleen Houck, que também terá resenha publicada na próxima semana. E por fim, mas não menos importante, li A Breve Segunda Vida de Bree Tanner da musa Stephenie Meyer. Ufa! Li bastante 🙂

E também recebi bastante coisa, para falar a verdade… Como já adiantei ali em cima, de parceira com as editoras chegaram Qual Seu Número? da Novo Conceito e A Maldição do Tigre da Arqueiro. Fiquei muito feliz com ambos, que são lindos (sério, a capa de A Maldição do Tigre é uma COISA, foi amor a primeira vista) e tem histórias fantásticas, amei demais!

Também recebi O Que Falta Ao Tempo, livro que chegou de uma troca com a fofíssima Luciana Mara, que tem um dos blogs mais divertidos e hiper recomendado por mim, o TOC. Se querem dar boas risadas e encontrar ótimos livros, esse é o lugar!

Além dele, chegaram L.A. Candy – Lauren Conrad, A Casa dos Macacos – Sara Gruen, Amanhã 4: Escuridão, Seja Minha Amiga – John Marsden, O Hipnotista – Lars Kepler e Wereworld: A Origem do Lobo – Curtis Jobling.

Estou louca para ler todos eles, mas vocês sabem que a fila é grande, então talvez demore um pouco para me organizar nesta nova rotina com tantas leituras! Para finalizar, deixo os marcadores lindos que recebi, uns super fofos que a Lu me mandou junto com o livro obrigada querida e o botton lindão que a Arqueiro mandou junto com o livro, simplesmente AMEI *-*

Por hoje era isso. Fiquem de olho porque amanhã tem promoção de Qual Seu Número no ar, e quero ver todos participando! Beijos e até a próxima Volta ao Mundo :*

Harlan Coben – Silêncio na Floresta

Olá gente bonita! Hoje estou aqui para atender um pedido da Carol, escritora do blog Histórias no Ônibus, que é muito legal e também é aqui do RS! Se vocês quiserem me fazer feliz assim como ela fez, peçam resenhas no post Já li em 2011… 🙂

Este é um livro que li há pouco tempo e que ainda está fresquinho na memória. Tenho que confessar antes de mais nada que eu AMO este autor. Eu sou completamente apaixonada por romances policiais, e Harlan Coben é um dos mestres contemporâneos do gênero!!! Sério, ele escreve bem demais! Reviravoltas, suspense, romance e muito mais te esperam em qualquer obra dele que você resolva ler.

Este livro em especial me chamou a atenção pela capa, que eu acho fantástica! Não me perguntem exatamente o porquê, mas acho a capa mais bonita dos livros dele publicados aqui no Brasil. Enfim, ela passa muito bem o mistério que envolve toda a trama.

Paul Copeland é um promotor público prestigiado que está trabalhando no caso mais importante de sua carreira. Ele tem uma filha de seis anos e uma vida boa. Mas, depois de estranhos acontecimentos e um assassinato em que ele se envolve, uma trágica lembrança do passado começa a vir a tona, sob a forma de muitos mistérios.

Há muitos anos, em um acampamento de verão as margens de uma extensa floresta, quatro adolescentes tiveram um final horrível e prematuro para suas vidas. Dentre eles a irmã de Paul, Camille. Os corpos de dois dos jovens foram encontrados degolados, com requintes de crueldade, os outros dois, incluindo o de Camille, nunca foram encontrados.

Diante de circunstâncias cada vez mais misteriosas e que ameaçam trazer uma nova luz aos acontecimentos daquela noite, ele se vê forçado a encarar fatos e pessoas do passado que gostaria de esquecer. Entre elas está Lucy, seu primeiro e grande amor, que estava com ele no acampamento e também se culpa pelo ocorrido.

Em meio a cenas maravilhosas em tribunais (já falei que adoro romances que tratam de advocacia? São tão empolgantes!), perseguições e mentiras, vamos encaixando as peças de um complexo quebra-cabeça, que tem peças somadas e subtraídas a todo momento de forma magistral pelo autor.

Esta é uma obra em que você tenta descobrir a resposta e muda de ideia várias vezes, os suspeitos aumentam e a trama fica cada vez mais inacreditável e surpreendente. O melhor de tudo é a forma com que Coben nos faz enxergar a humanidade e imperfeição em todos os personagens, todos em erros e acertos, têm culpa e procuram redenção!

Recomendadíssimo a todos os públicos, mas em especial aos amantes deste maravilhoso estilo que é o romance policial!

Avaliação (de 1 a 5):