Maria V. Snyder – Estudos sobre Magia

Maria V. Snyder, eu tenho que lhe dar um prêmio! Uma das melhores sequências que já li!!! Estudos sobre Magia, além de continuar a saga da personagem Yelena, apresenta novos cenários, personagens e situações inusitadas. Assim como no primeiro volume, fiquei sem palavras para descrever a maravilha desta trama. Se você ainda não leu a resenha de Estudos sobre Veneno, corre lá e não perde tempo!

Este livro me encantou pela beleza das descrições, os novos personagens e cultura inseridos na história. Também me impressionei com a capacidade da autora de nos situar novamente na história de forma quase instantânea, comecei a ler e parecia que nunca tinha saído do lado de Yelena em suas aventuras. Se você não leu o primeiro volume e não gosta de saber nadinha sobre a história, não leia esta resenha pois pode conter spoilers!

Mesmo com o aviso aí de cima, vou tentar falar o mínimo possível sobre os acontecimentos e o desfecho de Estudos sobre Veneno. Agora que Yelena descobriu sua magia, ela terá de aprender a conviver e usá-la. Para isso, e também para fugir da condenação à forca que existe contra ela, a moça vai para Sitia aprender a controlar seus poderes e se refugiar. Ali ela vai encontrar muitas pessoas diferentes, conhecer uma nova forma de viver e desenvolver suas capacidades mágicas.

Entretanto, ela está longe de seu amor e os perigos estão apenas aumentando. Um mago poderoso vem sequestrando jovens e até agora apenas uma voltou com vida. Com a sua mania de herói, Yelena quer ajudar a pegar este mago e fazê-lo pagar por seus crimes. Neste meio tempo, ela tem de conviver com as suspeitas do povo de ser uma espiã de Ixia, o que a coloca em diversas confusões!

Eu amei muito, muito este livro. A autora traz um questionamento deveras importante sobre os prós e contras de cada forma de governo (democracia ou ditadura), que me fez refletir sobre questões que não pensava desde as minhas aulas de história no ensino fundamental. Enquanto de um lado temos menos liberdade de expressão, do outro temos direitos básicos sendo denegridos. Acho que o levantamento desta reflexão, por si só, já vale a leitura.

Mas é claro que o livro não é só isso, há também o lindo romance, a diversão, a aventura e a ação. Snyder nos leva por diversos caminhos ao longo do percurso, cada um mais saboroso que o outro. Simplesmente adorei me aventurar pela Sitia, me sentia lado a lado com os personagens. A interação com os animais que a protagonista desenvolve também foi um ponto alto do livro, que me rendeu diversas risadas.

E falando em risadas, não posso deixar de comentar que esta é uma das obras que mais me fez rir, os diálogos recheados de tiradas sarcásticas me agradam profundamente, e Yelena está cada vez mais desbocada e inteligente!!!

Apesar de ter sentido falta dos personagens que nos acompanharam ao longo de todo primeiro volume e que ficaram em Ixia, no momento certo houve a volta de Ari, Janco, do Comandante e, logicamente, de Valek. Nem preciso dizer que amei revê-los ali pela metade do livro! 😛

Essa é uma série que está mais do que recomendada, mal posso esperar por Estudos sobre Fogo!!! Tomara que lancem em breve o último volume da trilogia. Com certeza As Lendas de Yelena Zaltana está entre minhas séries favoritas. 😀

Avaliação (de 1 a 5):

Anúncios

Cristopher Paolini – Eragon

Este livro é um infanto-juvenil bem conhecido entre os amantes do gênero. Eragon é o primeiro livro do Ciclo da Herança (originalmente Trilogia da Herança, só que o autor resolveu se estender, pra variar) que tem mais dois livros lançados aqui no Brasil (Eldest e Brisingr) e um último volume, Inheritance, que tem previsão de lançamento para novembro nos EUA.

Como já fica meio óbvio pela capa, o livro traz o tema dragões! A trama narra a estória de Eragon, um garoto que mora na Alagaësia e vê um mundo de aventuras e fantasia se abrir para ele depois de encontrar uma misteriosa pedra azul.

Aquela não era uma pedra qualquer, muitos morreram para protegê-la, mas pelas mãos do destino ela acabou ficando com o menino. Eu realmente não quero contar qual o mistério da pedra, mesmo sabendo que é fundamental para a descrição do livro e também que vocês poderão achar a informação em qualquer lugar. Mesmo assim, direi apenas que a pedra fará Eragon viver muitas aventuras, conhecer muitas pessoas interessantes e lidar com situações nunca sonhadas por ele antes.

É extremamente difícil fazer uma resenha para este livro sem soltar spoilers (coisa que detesto), então vou me ater ao mundo que o autor criou para a obra. É um mundo mágico, onde existem fadas, dragões e muitas outras criaturas, onde os nobres cavaleiros de dragões um dia habitaram e de que um traidor entre eles se apossou e se intitulou rei. Esse rei ainda vive, embora encontre resistência em vários povos, rebeldes que se refugiam em lugares inóspitos e de difícil acesso.

Eragon não fazia ideia de como seu mundo poderia mudar, mas é forçado a abandonar sua família para ir em busca do seu destino, que é muito mais importante e incerto do que ele jamais sonhou.

Falando um pouco sobre a narrativa, achei a trama de Paolini muito devagar em certos pontos, cheia de parágrafos explicativos desnecessários e, sob certos aspectos, bem pouco criativos. Aliás, a trama não é o que eu poderia chamar de criativa.

Apesar de tudo isso, fiquei curiosa com o desenrolar da estória, que acaba em um ponto crucial e nos leva a desejar o próximo volume com certa ansiedade. Eu já tenho Eldest aqui em casa e pretendo ler em breve, pelas resenhas que já vi, parece ser melhor que o primeiro.

Não é uma obra perfeita, mas um bom passatempo para os amantes da literatura fantástica. Apesar de querer mudar certas coisas nele, é um livro que vale a pena ser conhecido!

Avaliação (de 1 a 5):

P. C. Cast – Deusa do Mar

Deusa do Mar, romance da escritora P. C. Cast (famosa pela série escrita em parceria com sua filha Kirsten Cast, House of Night) é o segundo livro que eu leio sobre sereias. Posso afirmar com sinceridade que gostei muito deste tema e que as histórias são muito boas. Esta obra também tem seus méritos, apesar de algumas inconsistências e fraqueza da narrativa de Cast em alguns momentos.

Christine Canady é uma sargento das Forças Aéreas dos Estados Unidos que, na noite de seu aniversário resolve fazer um ritual para pedir à deusa Gaia magia em sua vida. (Na verdade as inconsistências já começam por ai, pois achei muito forçado uma mulher como ela fazer este tipo de ritual mágico assim, do nada).

Ela acaba sofrendo um acidente de avião no dia seguinte e cai no mar, onde encontra uma sereia chamada Ondina que se oferece para trocar de corpo com Chris. Ela aceita e se transforma naquela linda sereia, porém havia um forte motivo para Ondina querer trocar de lugar com ela: Sarpedon. Este tritão é meio-irmão da sereia e deseja a irmã ardentemente, fazendo de tudo para possuí-la. Logo que Chris passa pela transformação é atacada por ele. A moça consegue fugir, mas sabe que está em perigo no mar. Por isso, com ajuda da deusa Gaia ela se refugia em terra como humana. Acontece que ela sente saudades de Dylan o tritão sexy que a salvou enquanto ainda era uma sereia. Agora tudo que ela mais deseja é voltar para o mar e para os braços de seu amor.

O livro não foi dos melhores que eu já li pelas incoerências que se apresentam (como o fato de Ondina na verdade ser uma interesseira, pois sabia que Chris corria perigo mas em nenhum momento alguém fala sobre isso, ou o fato de que não sabemos o que aconteceu com o corpo de Chris que Ondina estava usando e no final os acontecimentos ficam totalmente sem pé nem cabeça graças a isso). Mas no geral achei uma leitura leve e que serve muito bem para passar algumas horas agradáveis.

Avaliação (de1 a 5):